terça-feira, 6 de setembro de 2016

Vengaboys está em estúdio preparando novidades





Siga nossa nova página no facebook, para não perder nenhuma novidade 

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

Ouça "Supergeil" novo single do Vengaboys e Coen & Sander




Coen e Sander são dois Djs que comanda um programa de radio na estação 538, e todos os ano mas preciso no dia 26 de fevereiro, realizam o Coen And Sander Fest, Apesar das temperaturas frias neste mês o carnaval da Alemanha já começa hoje mesmo, a festa promete muita diversão e para este ano a dupla de Djs tiveram a ideia de criar uma especie de hino para comemorar o festival.

Supergeil surgiu com os ouvintes da "Coen e Sander Show" na radio 538. Os dois reuniram as melhores palavras alemãs e então dai veio a musica, eles estão muito orgulhosos.

"É um sonho não é?, como dizem, tão bonito em francês, finalmente, um hino para a nossa festa. Nós não podíamos dizer não ", disse Sander ao RTL Boulevard.

A festa vai acontecer dia 26 no Heineken Music Hall, mas as comemorações de carnaval começam hoje. O single hino de comemoração está no spotify, são três faixas, a faixa principal da musica, a acapela e o instrumental https://play.spotify.com/album/5vNbPY3RKF8COUExE3Mgio, mas infelizmente não está disponível para os brasileiros ouvirem, Porem no próprio site do Vengaboys tem o download de graça da faixa principal, entre com seu nome e imail, confira aqui http://www.vengaboys.com/supergeil/.

E pra quem não é do Brasil, pode ouvir no Spotify


quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Entrevista do Vengaboys ao site Inclusive Networks HQ de 2015


No final dos anos 90 e início dos anos 2000, eles estavam no topo das paradas, alcançando no Reino Unido a sétima posição do Top10 singles de sucesso, incluindo os singles de sucesso "Boom, Boom, Boom, Boom" e "We're Going To Ibiza".



Entrevista de Thomas Anderson


Estamos tão felizes em tê-los de volta no cenário musical. Depois de lançar uma música no Natal, Podemos esperar um novo single e álbum do Vengaboys no futuro próximo?

DONNY: Antes de mais nada, obrigado por dizer isso! Nós só tentamos ser o mais divertido possível e todo mundo concordava em fazer algo para o Natal. Não temos um plano certo sobre novo álbum ou musica. Mas, se nós nos deparamos com uma batida louca, alguma coisa pode acontecer. 

Qual material mais recente do Vengaboys que causou mais reação? Qual foi a motivo que fez vocês voltarem a estrada juntos e lançarem músicas novas?

KIM: O impacto da nossa música "2 Brasil", no nosso vídeo clipe com seios dançando foi hilariante! Ele foi falado na maioria das grandes redes de notícias e entretenimento. Mesmo que o YouTube tivesse imediatamente restringido nosso vídeo, outros sites decidiram hospeda-lo sem restrições. Ele recebeu mais de um milhão de visualizações em 48 horas e estamos agora em um total de oito milhões de visualizações. Então isso foi um grande riso!

A razão pela qual nós voltamos a estrada é porque este é o nosso propósito na vida. Não importa quantas vezes nós já tocamos nossos sucessos, quando estamos no palco é como se estivéssemos começando a compartilhar com o público. Sentem como se fosse uma celebração todo vez. Este ano, estamos fazendo cerca de 150 shows. É fantástico poder fazer o que mais amo! 

Alguns de seus maiores sucessos tem um remix Festivo de Natal, nós adoramos os novos remixes.

KIM: Obrigada. Eles são, basicamente, as velhas canções com sinos de trenó e um adicional "Ho, Ho Ho!", Certo? Nós adoramos os remixes do DJ Hardbell e Snowtek!

Vocês estão constantemente na estrada em turnê. O que vocês gostam mais e menos de sair em turnê?

DENISE: Vamos começar com o lado negativo: a atmosfera, por vezes sombria nas verificações de segurança. Anime-se pessoal! Um pequeno sorriso nunca fez mal a ninguém. Em um momento como esse nós gostaríamos de poder apenas nos teletransportar para o próximo destino de partida. Isso seria fantástico. O lado positivo: A turnê é DIVERTIDA! Temos visto tantos lugares em todo o mundo, encontramos um monte de pessoas incríveis e o público que vem para um dos shows do Vengaboys, eles são todos super doces e amigáveis em relação a nós e aos outros. Há um monte de unidade acontecendo.

Houve um destaque a partir dos últimos anos?


DONNY: Eu acho que o fato de que 99% dos nossos shows serem vendidos para fora o tempo todo. Isso é uma grande coisa para nós.

Vocês tocaram em muitos eventos no Reino Unido do Orgulho LGBT no ano passado. Qual foi a reação e por que você gosta de tocar nestes eventos? Tem planos para se apresentar em todos os eventos do orgulho neste verão?


ROBIN: Temos muita sorte de ter tanto amor da comunidade gay global. Não gostaríamos de estar em lugar nenhum sem nossos fãs gays.Percebemos que tem muita sorte de viverem em uma sociedade tão aberta como a Holanda. Tocamos em eventos do orgulho LGBT na Europa Oriental, onde nós e nossos amigos tiveram de enfrentar protestos anti-gays. Nós ainda não entendo por que alguém deveria se opor a algo pessoal, como sua sexualidade. Donny e eu estamos fora e orgulhosos! Com certeza vamos estar de volta em um ou mais eventos LGBT neste verão.Fiquem ligados na nossa agenda de turnê no Facebook ou no nosso site.

Porque vocês achas que a música de vocês são tão popular com a comunidade LGBT?

DENISE: Hahaha ... Tem algo estranho acontecendo com os nossos produtores ... O que quer que escrevam e produzam, sempre tem esses recortes e coisas gays sobra elas.

Se vocês pudessem ser teletransportados de volta a 1999 tem algumas palavras de conselho que dariam ao Vengaboys de 1999?

KIM: Essa é uma pergunta incrível! Gostaríamos de dizer a eles que continuem fazendo o que eles estão fazendo, Por que isso nos fez o que somos hoje e estamos muito felizes com isso. Ah, e dizer também para eles aceitarem a proposta que a Madonna fez em 2001 para co-escrever um álbum com ela.

Nós sentimos muito quando as coisas terminaram abruptamente para vocês depois do segundo álbum The Platinum Album, vocês ainda estavam tendo grandes sucessos em todo o mundo. Nós amamos muitas das musicas desse álbuns como "Skinnydippin 'e '24 / 7 In My 911'. Tem alguma música deste álbum que vocês gostariam que fossem lançadas como singles hoje em dia?

ROBIN: É bom ouvir isso. acho que seria 'Skinnydippin'! Também é o nosso esporte favorito na piscina do hotel quando voltamos de um show.

Vocês tem uma faixa do Vengaboys que é a mais favorita e por quê? Que música causa a maior reação do publico?

KIM: É uma estreita ligação entre 'Boom, Boom, Boom, Boom' , 'We're Going To Ibiza' e 'I Like To Party'. Mesmo que as duas primeiras foram hits número um no Reino Unido, eu acho que a última é a nossa favorita do Vengaboys, todo o tempo de festa. Quando tocamos essa música no palco a multidão vai totalmente a loucura.


Quais atos na indústria da música hoje vocês admiram?

DONNY: Tem muitos realmente. Mas vamos citar quatro: Para começar a senhorita Beyoncé Knowles . Um monte de foco. perfeito. figurino, cabelo, maquiagem, coreografias, dançarinos - todos em perfeita sincronia. Também somos muito apaixonados por Sam Smith, sua voz é de um tipo unico. Tanta emoção. Estamos tambem em êxtase com Lorde . Muito original e com essa idade já, um forte senso de autoridade e tal, E finalmente, vocês tem que amar SIA . Escreve musicas surpreendente, tem a voz lendária e a personalidade maravilhosa.

O que vem por aí para vocês?

DENISE: Vai ser um ano movimentado. O que vem à mente agora é a nossa turnê de Verão nos EUA - nós estamos muito ansiosos para isso. Por favor, mantenha os olhos atentos ao nosso site e canais de mídia social para atualizações sobre as turnês.

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Criamos o Album "The 2 Brazil Album 2015"

sexta-feira, 24 de abril de 2015

Relembre quando o grupo Vengaboys veio no Brasil ao programa da Xuxa

Relembrar é viver: Vengaboys no programa Planeta Xuxa em 2000 cantando Shalala Lala e conversando com a Xuxa
Posted by Vengaboys BR on Quinta, 23 de abril de 2015

quarta-feira, 1 de abril de 2015

Happy Birthday Kim Sasabone

Dia 1 de abril foi aniversário da nossa integrante queridíssima pelos fãs Kim Sasabone Happy Birthday #kimsasabone #vengaboys #vengaboysbr
Posted by Vengaboys BR on Quarta, 1 de abril de 2015

domingo, 15 de fevereiro de 2015

Vengaboys recusa colaboração com Rainha do Pop Madonna em 2001


O popular grupo de eurodance Vengaboys que percorria o mundo levando seus hits dançantes numa época que o estilo musical estava bombando na Europa, teria recusado em 2001 uma oferta muito lucrativa. O sucesso do grupo era tão grande que chegou aos ouvidos de nada mais e nada menos que a Rainha do Pop Madonna, que por fim se aproximou do quarteto naquele ano para uma proposta de gravarem um álbum juntos. 


A integrante do grupo Kim Sasabone afirma o ocorrido e em uma entrevista em inglês diz ainda estarem muito arrependidos. Segundo o integrante Robin Pors, que já não estava no grupo naquele momento, Ele estaria querendo trabalhar com o hitkwartet, muito conhecido na holanda. Porem mais uma colaboração que muitos milhões de dólares e o estrelato cobiçado poderia ter tido resultados, não aconteceu.


Depois de um ano desastroso ele fica sabendo da possível parceria que poderia acontecer com Madonna, mas também acha que poderia não ser muito bom para mente, cancelar shows não seria uma boa já que o grupo sempre esteve com agenda de shows lotadas e ocupados demais para escrever musicas em conjunto para o álbum da Rainha do Pop, Ou os gestores de investimento estavam um pouco distantes disso, de qualquer forma ele sente muito por essa colaboração nunca ter acontecido, Ele é um grande admirador de Madonna, "Ela é fantástica. Se ela nos chama-se agora nós iriamos correndo, Nós seriamos loucos se recusássemos uma oferta dessa em pleno 2015". O Vengaboys ainda viajam o redor do mundo, "Depois de um tempo ocupados, temos todo o feriado, Mas nesse verão estaremos completamente soltos na America do Norte, onde teremos tempo, e vai aparecer muitas idéias", ele espera muito secretamente que Madona e Vengaboys estejam juntos novamente "Se tiver uma proposta de parceria será imediatamente aceita" diz Robin, que finaliza sendo realista "Oh o que provavelmente não vai acontecer, mas estamos ai, somos grandes e tudo tem sido maravilhoso".